O menino bonito do Fado

A qualquer momento poderá nascer o terceiro filho de Nuno de Figueiredo da Câmara Pereira e Ana Teles da Sylva Pacheco. Além de ser mais um aguardado novo membro da família há ainda a incógnita de saber o sexo do bebé, uma vez que o casal já tem duas meninas: a pequena Conceição, de 2 anos, e Francisca, que acaba de completar os 12 meses. A 19 de Junho, a dúvida chega ao fim: nasce o primeiro menino do casal, que receberá o nome do pai.

Nuno da Câmara Pereira, o pai, é engenheiro agrónomo mas nunca chegou a exercer a profissão uma vez que ingressou logo na Inspeção Nacional do Trabalho onde é agora inspetor chefe. Por isso, o pequeno recém-nascido não há de ficar muito tempo em Lisboa, uma vez que a família acompanha o pai nos diversos postos onde este vai sendo colocado. Assim, quatro anos volvidos, Nuno de Figueiredo da Câmara Pereira ruma ao Funchal com a família, que conta agora com mais dois membros: Gonçalo, nascido em 1952, e Vasco, no ano seguinte. Da cidade madeirense, a família parte para a Covilhã – onde nasce o seu sexto filho e quarto rapaz, Luís, em 1958 – para, a partir de 1959 se fixar definitivamente em Évora, cidade onde acabarão por nascer os seus dois últimos filhos: Sebastião, em 1961, e, no ano seguinte, Domingos, que ficará conhecido para a família, amigos e, um dia, Portugal inteiro, como Mico.